sábado, 07 de dezembro de 2019

AMAERJ | 07 de agosto de 2019 17:37

STF indica dois novos integrantes do Conselho Nacional de Justiça

Share 'STF indica dois novos integrantes do Conselho Nacional de Justiça' on Delicious Share 'STF indica dois novos integrantes do Conselho Nacional de Justiça' on Digg Share 'STF indica dois novos integrantes do Conselho Nacional de Justiça' on Facebook Share 'STF indica dois novos integrantes do Conselho Nacional de Justiça' on Google+ Share 'STF indica dois novos integrantes do Conselho Nacional de Justiça' on Link-a-Gogo Share 'STF indica dois novos integrantes do Conselho Nacional de Justiça' on LinkedIn Share 'STF indica dois novos integrantes do Conselho Nacional de Justiça' on Pinterest Share 'STF indica dois novos integrantes do Conselho Nacional de Justiça' on reddit Share 'STF indica dois novos integrantes do Conselho Nacional de Justiça' on StumbleUpon Share 'STF indica dois novos integrantes do Conselho Nacional de Justiça' on Twitter Share 'STF indica dois novos integrantes do Conselho Nacional de Justiça' on Add to Bookmarks Share 'STF indica dois novos integrantes do Conselho Nacional de Justiça' on Email Share 'STF indica dois novos integrantes do Conselho Nacional de Justiça' on Print Friendly Whatsapp
Fachada do CNJ | Foto: Reprodução/ Metrópoles

O Supremo Tribunal Federal (STF) aprovou em sessão administrativa, nesta quarta-feira (7), a indicação do desembargador do Tribunal de Justiça do Paraná (TJ-PR) Luiz Fernando Tomasi Keppen e do juiz do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul (TJ-RS) Mário Augusto Figueiredo de Lacerda Guerreiro para as duas vagas que serão abertas este ano no Conselho Nacional de Justiça (CNJ). Os candidatos ainda serão sabatinados pelo Senado.

Leia também: Magistrados festejam aniversário do ex-presidente Thiago Ribas Filho
8º Prêmio AMAERJ Patrícia Acioli prorroga o prazo de inscrição
Órgão Especial elege juiz para Comitê de Atenção Prioritária ao 1º Grau

Lacerda Guerreiro, mestre em Ciências Jurídicas pela Universidade de Coimbra (Portugal), é juiz auxiliar do CNJ desde o começo do ano. Foi juiz auxiliar do vice-presidente do STF Luiz Fux e no TSE. Ele leciona na Escola da Magistratura do Estado do Rio de Janeiro (EMERJ).

Sobre a indicação do filho ao CNJ, a desembargadora do TJ-RJ Maria Augusta Vaz disse considerá-lo “uma pessoa vocacionado à magistratura”.

“Ele ama o que ele faz. Fico muito feliz e desejo a ele muito sucesso”, afirmou a magistrada.

O desembargador Keppen coordenou a equipe correicional do CNJ na inspeção ao Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) em março do ano passado. Também integrou a equipe correicional do Conselho em inspeção ao TJ-RS, em outubro de 2017. Atuou como professor em diferentes momentos da carreira, dedicando-se, em especial, ao Direito Eleitoral.

Os candidatos são indicados às vagas hoje ocupadas pelos conselheiros Maria Iracema do Vale, desembargadora do Tribunal de Justiça do Ceará (TJ-CE), e Márcio Schiefler Fontes, juiz estadual em Santa Catarina, que terão os mandatos encerrados em outubro.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Seja o primeiro a comentar!