quarta, 17 de julho de 2019

AMAERJ | 21 de dezembro de 2018 16:04

Em artigo, Castro Gomes analisa o momento político brasileiro

Share 'Em artigo, Castro Gomes analisa o momento político brasileiro' on Delicious Share 'Em artigo, Castro Gomes analisa o momento político brasileiro' on Digg Share 'Em artigo, Castro Gomes analisa o momento político brasileiro' on Facebook Share 'Em artigo, Castro Gomes analisa o momento político brasileiro' on Google+ Share 'Em artigo, Castro Gomes analisa o momento político brasileiro' on Link-a-Gogo Share 'Em artigo, Castro Gomes analisa o momento político brasileiro' on LinkedIn Share 'Em artigo, Castro Gomes analisa o momento político brasileiro' on Pinterest Share 'Em artigo, Castro Gomes analisa o momento político brasileiro' on reddit Share 'Em artigo, Castro Gomes analisa o momento político brasileiro' on StumbleUpon Share 'Em artigo, Castro Gomes analisa o momento político brasileiro' on Twitter Share 'Em artigo, Castro Gomes analisa o momento político brasileiro' on Add to Bookmarks Share 'Em artigo, Castro Gomes analisa o momento político brasileiro' on Email Share 'Em artigo, Castro Gomes analisa o momento político brasileiro' on Print Friendly Whatsapp

No artigo “A Democracia brasileira vai morrer? A valorização das carreiras jurídicas de Estado como estratégia eficaz contra o autoritarismo”, o juiz Leonardo de Castro Gomes, auxiliar da 3ª Vice-Presidência do TJ-RJ, sustenta que a democracia no Brasil “tende a se preservar a médio prazo” e uma das razões para isso é “a valorização remuneratória das carreiras jurídicas de Estado”.

Leia também: Humberto Martins e Sergio Ribeiro debatem medidas para acelerar adoção
Juízes do Rio criam fórum para discutir temas da Infância e da Juventude
CNJ e Unicef assinam acordo para a promoção de direitos da infância

Para Castro Gomes, o país enfrenta um período de “polarização da política”, o que representa um desafio à “solidez de nossas instituições democráticas”.

Leia o artigo no link.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Seja o primeiro a comentar!