quarta, 15 de agosto de 2018

AMAERJ | 29 de maio de 2018 17:44

AMB lança pesquisa ‘Quem somos? A magistratura que queremos’

Share 'AMB lança pesquisa ‘Quem somos? A magistratura que queremos’' on Delicious Share 'AMB lança pesquisa ‘Quem somos? A magistratura que queremos’' on Digg Share 'AMB lança pesquisa ‘Quem somos? A magistratura que queremos’' on Facebook Share 'AMB lança pesquisa ‘Quem somos? A magistratura que queremos’' on Google+ Share 'AMB lança pesquisa ‘Quem somos? A magistratura que queremos’' on Link-a-Gogo Share 'AMB lança pesquisa ‘Quem somos? A magistratura que queremos’' on LinkedIn Share 'AMB lança pesquisa ‘Quem somos? A magistratura que queremos’' on Pinterest Share 'AMB lança pesquisa ‘Quem somos? A magistratura que queremos’' on reddit Share 'AMB lança pesquisa ‘Quem somos? A magistratura que queremos’' on StumbleUpon Share 'AMB lança pesquisa ‘Quem somos? A magistratura que queremos’' on Twitter Share 'AMB lança pesquisa ‘Quem somos? A magistratura que queremos’' on Add to Bookmarks Share 'AMB lança pesquisa ‘Quem somos? A magistratura que queremos’' on Email Share 'AMB lança pesquisa ‘Quem somos? A magistratura que queremos’' on Print Friendly Whatsapp

A AMB lançou a pesquisa “Quem somos? A magistratura que queremos”. O objetivo é conhecer o perfil da magistratura brasileira e traçar as diretrizes para o Judiciário. É a segunda vez que uma pesquisa deste porte é realizada. A primeira edição foi feita há 21 anos pelos professores e pesquisadores Luiz Jorge Werneck Vianna e Maria Alice Rezende de Carvalho, da PUC-Rio, que seguem à frente do levantamento. O ministro do STJ Luis Felipe Salomão e a presidente da AMAERJ e vice-presidente Institucional da AMB, Renata Gil, coordenam a nova pesquisa. 

“Essa é uma oportunidade para o magistrado participar do processo de criação de novas diretrizes para o Poder Judiciário”, explicou Renata Gil.

O lançamento oficial da pesquisa foi durante o 23º Congresso Brasileiro de Magistrados, realizado na última semana, em Maceió (AL). O link foi encaminhado para o e-mail funcional dos juízes e desembargadores de todo o Brasil. A presidente da AMAERJ ressalta que, por se tratar de uma pesquisa densa, que busca traçar o perfil do Judiciário e planejar as diretrizes para o futuro, são necessários aproximadamente 30 minutos para respondê-la.

Com os dados em mãos, os pesquisadores farão uma comparação entre a magistratura atual e aquela de 1997. Com aproximadamente 4 mil questionários respondidos por juízes na primeira versão, o professor Werneck Viana organizou o trabalho “Corpo e Alma da Magistratura Brasileira”. Quando o livro foi publicado, Werneck Viana pôde comparar o Judiciário daquela época, com o perfil anterior, de 1970.

Leia também: Lançamento do CD de Wagner Cinelli será em junho
Tribunais alteram expediente em dias de jogos do Brasil na Copa do Mundo
Conselheiro do CNJ afirma que audiência de custódia do Rio é exemplo para o País

De acordo com o presidente da AMB, Jayme de Oliveira, a publicação vai ajudar nas demandas do CNJ. “A pesquisa será o pensamento da Justiça brasileira. A ideia é que seja feita uma atualização constante”, explicou. 

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Seja o primeiro a comentar!