CNJ | 17 de agosto de 2022 13:35

Relatório Justiça em Números 2022 será divulgado em 1º de setembro

O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) apresentará em 1º de setembro, às 15h30, o Relatório Justiça em Números 2022 (ano-base 2021). De acordo com o órgão, os magistrados do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJ-RJ) são os mais produtivos do país desde 2010.

Os novos dados serão divulgados durante a 2ª Reunião Preparatória para o 16º Encontro Nacional do Poder Judiciário. Realizada por videoconferência, a reunião acontecerá em 1º e 2 de setembro, com a participação de representantes dos tribunais e da Rede de Governança Colaborativa do Poder Judiciário.

Além de divulgar os resultados do Justiça em Números, a reunião tem como objetivo promover o acompanhamento da Estratégia Nacional do Poder Judiciário 2021-2026, por meio da apresentação dos resultados parciais das Metas Nacionais 2022 e do debate das propostas de Metas para o ano de 2023. Também está prevista a premiação do Ranking da Transparência do Poder Judiciário 2022.

Produtividade

O Justiça em Números é a principal fonte das estatísticas oficiais do Judiciário brasileiro. Anualmente, desde 2004, o relatório divulga a realidade dos tribunais, com detalhamentos da estrutura e produtividade, além dos indicadores e das análises para subsidiar a Gestão Judiciária.

Em 2021, pelo 12º ano consecutivo, o Tribunal do Rio de Janeiro foi o campeão de produtividade. O TJ-RJ liderou o Índice de Produtividade dos Magistrados (IPM), com média de 3.724 casos julgados por cada magistrado. Acesse aqui o Relatório Justiça em Números 2021.

Produtividade dos magistrados segundo o Justiça em Números 2021

Leia também: Dirigentes associativos prestigiam a posse do novo presidente do TSE
Prêmio AMAERJ Patrícia Acioli 2022 terá 322 trabalhos na disputa
TJ-RJ, CNJ e Uerj firmam acordo para facilitar o acesso à Justiça