segunda, 09 de dezembro de 2019

AMAERJ | 15 de agosto de 2011 16:14

Nota da Associação Paulista de Magistrados – APAMAGIS

Share 'Nota da Associação Paulista de Magistrados – APAMAGIS' on Delicious Share 'Nota da Associação Paulista de Magistrados – APAMAGIS' on Digg Share 'Nota da Associação Paulista de Magistrados – APAMAGIS' on Facebook Share 'Nota da Associação Paulista de Magistrados – APAMAGIS' on Google+ Share 'Nota da Associação Paulista de Magistrados – APAMAGIS' on Link-a-Gogo Share 'Nota da Associação Paulista de Magistrados – APAMAGIS' on LinkedIn Share 'Nota da Associação Paulista de Magistrados – APAMAGIS' on Pinterest Share 'Nota da Associação Paulista de Magistrados – APAMAGIS' on reddit Share 'Nota da Associação Paulista de Magistrados – APAMAGIS' on StumbleUpon Share 'Nota da Associação Paulista de Magistrados – APAMAGIS' on Twitter Share 'Nota da Associação Paulista de Magistrados – APAMAGIS' on Add to Bookmarks Share 'Nota da Associação Paulista de Magistrados – APAMAGIS' on Email Share 'Nota da Associação Paulista de Magistrados – APAMAGIS' on Print Friendly Whatsapp

A Associação Paulista de Magistrados – APAMAGIS vem se postar ao lado da família da Juíza Patrícia Acioli, covardemente assassinada no Rio de Janeiro, expressando os mais sinceros sentimentos de pesar e condolência.

A tragédia revela uma situação de violência desmedida, com o desrespeito às instituições, em especial às pessoas sérias como os Magistrados, que todos os dias expõem a própria vida a riscos para buscar distribuir Justiça.

Nada reparará essa terrível perda, entretanto, é preciso que as autoridades, em especial os membros do Executivo e Legislativo, conscientizem-se da importância de dotar os agentes do Estado de aparelhamento adequado para o enfrentamento da criminalidade organizada.

Para isso é preciso destinar mais recursos ao Judiciário para aumentar a segurança pessoal dos Magistrados e servidores, assim como proteger os prédios e os usuários da Justiça.

Assim, a APAMAGIS se une à AMAERJ para, nesse momento de profunda dor e perplexidade, lutar para que os culpados desse crime bárbaro sejam punidos nos estritos limites da lei e buscar alternativas para que esses nefastos atos jamais se repitam.

São Paulo, 11 de agosto de 2011.

Paulo Dimas de Bellis Mascaretti

Presidente

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Seja o primeiro a comentar!