quinta, 29 de outubro de 2020

AMAERJ | 01 de setembro de 2020 13:02

Doações rendem uma tonelada de alimentos e produtos de higiene

Projeto Namarra, de Duque de Caxias, recebeu 113 cestas básicas | Divulgação

Encerrada nesta segunda-feira (31/8), a quinta fase da campanha de solidariedade de combate à pandemia do coronavírus arrecadou R$ 10.822,42. A quantia resultou na compra de uma tonelada de alimentos e produtos de higiene distribuídos para instituições e projetos indicados por juízes e desembargadores do Rio de Janeiro. Organizada pela AMAERJ e mais três entidades representativas de magistrados e advogados, a campanha angariou R$ 137.513,01 ao todo.

Com os valores arrecadados nas cinco fases, foram entregues insumos hospitalares, mantimentos, remédios, materiais de proteção e produtos de higiene pessoal, domiciliar e coletiva à rede pública de saúde e à população carente. A campanha foi promovida pela AMAERJ, pela AMATRA1 (Associação dos Magistrados da Justiça do Trabalho da 1ª Região), pela Ajuferjes (Associação dos Juízes Federais do Rio de Janeiro e do Espírito Santo) e pelo IAB Nacional (Instituto dos Advogados Brasileiros).

A quinta fase da campanha de solidariedade aconteceu de 27 de julho a 31 de agosto. A pedido da desembargadora Cristina Gaulia, o projeto Juca recebeu 60 kg de alimentos. Com a doação, 200 quentinhas foram distribuídas para moradores de rua na Praça da Candelária e na Rua dos Inválidos (Centro do Rio).

Projeto Juca distribui quentinhas para moradores de rua | Divulgação

Com sede em Duque de Caxias (Baixada Fluminense), o projeto Namarra recebeu 113 cestas básicas (570 kg de alimentos). Criado em 2018, o projeto oferece cultura, educação e informação a 113 crianças e adolescentes. São organizadas aulas de teatro, desenho, música e luta, além de passeios culturais. Os pais são instruídos sobre planejamento familiar. Com a pandemia, o Namarra passou a oferecer alimentação básica às famílias.

Em Itaboraí (cidade na Região Metropolitana do Rio), foram entregues 386 kg de alimentos e produtos de higiene no Lar Semente do Amor de Maria. A ONG (Organização Não Governamental) acolhe adolescentes e adultos com deficiência mental.

Lar Semente do Amor de Maria recebeu alimentos e produtos de higiene | Divulgação

Indicado pelo presidente da AMATRA1 (Associação dos Magistrados da Justiça do Trabalho da 1ª Região), Flávio Alves Pereira, o professor de Filosofia da Uerj (Universidade do Estado do Rio de Janeiro) Alexandre Cabral distribuiu 60 kits de higiene a moradores de rua.

Campanha

De 23 de março a 3 de abril, a primeira fase da campanha angariou R$ 38.947,45. A segunda, de 9 de abril a 2 de maio, arrecadou R$ 58.024,35. O dinheiro das duas etapas iniciais foi destinado para a compra de 27.380 produtos, entre materiais hospitalares e cestas básicas, que foram entregues ao Hospital Universitário Pedro Ernesto (rede estadual de saúde), além da distribuição de 533 cestas básicas a nove entidades da sociedade civil e a 85 famílias na cidade de Duque de Caxias.

Nas etapas iniciais, foram adquiridos 23.600 luvas, 1.005 aventais, 800 gorros cirúrgicos, 600 óculos de proteção, 600 máscaras, 533 cestas básicas com alimentos e produtos de higiene (6.230 kg), 100 máscaras de acrílico, 100 cobertores para desabrigados, 40 frascos de álcool gel (200 litros) e dois ventiladores pulmonares neonatais (CPAPs).

A terceira fase da campanha ocorreu de 18 de maio a 10 de junho e arrecadou R$ 18.768,79. O dinheiro foi empregado em 2.866 produtos. Foram adquiridos 1.000 sapatilhas descartáveis, 950 unidades de álcool líquido 70% (95 litros), 400 cobertores para moradores de rua, 198 cestas básicas, 138 unidades de álcool gel 70% (69 litros), 100 aventais, 50 óculos de proteção e 30 máscaras.

Os materiais foram distribuídos para moradores de rua, instituições e projetos indicados por magistrados, como o Abrigo do Cristo Redentor, o Centro Especializado de Atendimento à Mulher Chiquinha Gonzaga e a Patrulha Maria da Penha da Polícia Militar.

A quarta etapa arrecadou R$ 10.950,00. O valor resultou na compra de duas toneladas de alimentos e produtos de higiene distribuídos para instituições e projetos.

A AMAERJ agradece as contribuições e parabeniza a todos pelo nobre ato de solidariedade que salvou inúmeras vidas.

Kits entregues pelo professor Alexandre Cabral | Divulgação
Entrega de alimentos no Centro do Rio | Divulgação
Kits de alimentos para doações | Divulgação
Produtos distribuídos em Itaboraí | Divulgação