terça, 18 de fevereiro de 2020

AMAERJ | 31 de janeiro de 2020 17:03

Diretoria da AMAERJ aprova anteprojeto de lei sobre Previdência

Share 'Diretoria da AMAERJ aprova anteprojeto de lei sobre Previdência' on Delicious Share 'Diretoria da AMAERJ aprova anteprojeto de lei sobre Previdência' on Digg Share 'Diretoria da AMAERJ aprova anteprojeto de lei sobre Previdência' on Facebook Share 'Diretoria da AMAERJ aprova anteprojeto de lei sobre Previdência' on Google+ Share 'Diretoria da AMAERJ aprova anteprojeto de lei sobre Previdência' on Link-a-Gogo Share 'Diretoria da AMAERJ aprova anteprojeto de lei sobre Previdência' on LinkedIn Share 'Diretoria da AMAERJ aprova anteprojeto de lei sobre Previdência' on Pinterest Share 'Diretoria da AMAERJ aprova anteprojeto de lei sobre Previdência' on reddit Share 'Diretoria da AMAERJ aprova anteprojeto de lei sobre Previdência' on StumbleUpon Share 'Diretoria da AMAERJ aprova anteprojeto de lei sobre Previdência' on Twitter Share 'Diretoria da AMAERJ aprova anteprojeto de lei sobre Previdência' on Add to Bookmarks Share 'Diretoria da AMAERJ aprova anteprojeto de lei sobre Previdência' on Email Share 'Diretoria da AMAERJ aprova anteprojeto de lei sobre Previdência' on Print Friendly Whatsapp
Desembargadora Regina Lúcia Passos, Felipe Gonçalves e Vanice Valle compuseram a mesa da reunião

Especialista em Previdência Social, a advogada Vanice Valle apresentou para a diretoria da AMAERJ, nesta sexta-feira (31), o anteprojeto de lei que prevê a reabertura do prazo de migração do Rioprevidência (Fundo Único de Previdência Social do Estado do Rio de Janeiro) para a RJPrev (Fundação de Previdência Complementar do Estado do Rio de Janeiro). Os magistrados aprovaram o texto, que será entregue aos chefes dos três Poderes do Estado e para as demais entidades do sistema de Justiça.

A AMAERJ encomendou o anteprojeto de lei ao escritório “Pimentel – Vega – Smilgin – Souza Advogados”, que recorreu à advogada Vanice Valle, especialista no tema.

As diversas mudanças na legislação previdenciária desde a Constituição Federal de 1988 causaram preocupação na magistratura. O objetivo da AMAERJ é atender aos magistrados, principalmente os que ingressaram no tribunal após as emendas constitucionais, que não têm hoje integralidade e paridade.

No encontro desta sexta-feira, na Sede Administrativa da AMAERJ, Vanice mostrou a evolução do regime de previdência complementar público, esclareceu as dúvidas dos magistrados e explicou o texto do anteprojeto, que também prevê a instituição de benefício especial no modelo do Funpresp (Fundação de Previdência Complementar do Servidor Público Federal).

Em reunião na última semana, o presidente eleito da AMAERJ, Felipe Gonçalves, tratou do tema com o governador Wilson Witzel. O governador se mostrou entusiasmado com a proposta. Para Wizel, a migração pode ser favorável aos servidores públicos estaduais que não têm integralidade e paridade.

Leia também: Felipe Gonçalves trata de Previdência e segurança com governador

Encontro aconteceu na Sede Administrativa da AMAERJ
Integrantes da diretoria da AMAERJ participaram da reunião

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Seja o primeiro a comentar!