CNJ mantém plano de retomada das atividades presenciais do TJ-RJ

De acordo com a relatora, Ivana Farina, não é possível identificar desrespeito do TJ-RJ ao regramento instituído pelo CNJ