terça, 02 de junho de 2020

Brasil | 07 de outubro de 2019 12:33

Antonio Saldanha assume a presidência da 6ª Turma do STJ

Ministro Antonio Saldanha | Foto: Gustavo Lima/STJ

O ministro do STJ (Superior Tribunal de Justiça) Antonio Saldanha Palheiro assumiu, na quinta-feira (3), a presidência da 6ª Turma da Corte, cargo que ocupará pelos próximos dois anos. O magistrado agradeceu o apoio dos colegas que o acolheram na turma especializada em Direito Penal, quando tomou posse no STJ, em abril de 2016, após 14 anos atuando na área cível do TJ-RJ (Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro).

“Queria deixar meus agradecimentos a todos e dizer que também agora, nesta nova etapa em que assumo a presidência, conto com a boa vontade e com o carinho dos colegas”, afirmou Saldanha.

Leia também: Após ação associativa, senador retira PEC que afetava o Judiciário
Nota de repúdio
Prêmio Innovare anuncia os finalistas da 16ª edição

O ministro destacou a competência e a firmeza na condução dos trabalhos demonstradas pelos dois últimos presidentes do colegiado, Rogerio Schietti Cruz e Nefi Cordeiro, classificando a atuação de ambos como “irretocável” e “brilhante”.

Nefi Cordeiro agradeceu as palavras e elogiou Saldanha. “Esta turma é um exemplo de convivência harmônica e produtiva, preocupada com a solução do justo. Antecipo os meus votos de sucesso para o ministro Saldanha. Tenho certeza da sua competência e experiência. Teremos um grande biênio.”

Formado e mestre pela PUC-Rio (Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro), Saldanha ingressou na magistratura em 1988 e tornou-se desembargador em 2003. O ministro atuou na 5ª Câmara Cível do TJ-RJ e, em 2016, tomou posse no STJ.

(Com informações do STJ)