sexta, 24 de setembro de 2021

AMAERJ | 27 de julho de 2021 13:28

‘AMAERJ 30 Anos’ entrevista o desembargador Cláudio Dell’Orto

A AMAERJ lançou, nesta terça-feira (27), o quinto filme da série que celebra, ao longo deste ano, as três décadas de sua fundação. O entrevistado é o desembargador Cláudio Luis Braga Dell’Orto, presidente da Associação dos Magistrados do Estado do Rio de Janeiro nos biênios 2006-2007 e 2012-2013.

Na entrevista da série “AMAERJ 30 Anos”, Cláudio Dell’Orto fala sobre a mobilização da entidade, de sua direção e de seus associados em torno das ações em prol de melhorias para a Magistratura.

Leia também: Especialistas debaterão competências da Justiça do Trabalho
Pesquisa sobre as metas da Justiça Eleitoral termina nesta quarta (28)
Associação solicita à Cojes a retomada da Turma Recursal Simulada

Em sua primeira gestão, Dell’Orto presidiu a Associação na condição de juiz do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro. No segundo biênio, já ocupava o cargo de desembargador. No filme, ele comenta as diferenças em administrar a entidade como magistrado de primeiro e de segundo graus.

Cláudio Dell’Orto preside, atualmente, o Tribunal Regional Eleitoral do Estado do Rio de Janeiro (TRE-RJ).

A AMAERJ foi fundada em 29 de novembro de 1991, a partir da união da Associação dos Magistrados Fluminenses (AMF), criada em 1954 e sediada em Niterói, com a Associação dos Magistrados do Rio de Janeiro (AMARJ), surgida em 1958.

Na década de 50, o Rio de Janeiro era a capital federal. Com a fundação de Brasília, surgiu, em 1960, o Estado da Guanabara, cuja capital era o Rio. O Estado do Rio de Janeiro tinha a cidade de Niterói como capital. A fusão do Guanabara com o velho Estado do Rio aconteceu em 1975, mas as entidades representativas da Magistratura só vieram a se unir 16 anos depois.

Na série de filmes, a história da AMAERJ vem sendo contada por seus protagonistas. Já foram postados no site e nas redes sociais os episódios com o desembargador aposentado Thiago Ribas Filho, primeiro presidente da Associação; o ministro Luis Felipe Salomão, do Superior Tribunal de Justiça (STJ) e do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), presidente da AMAERJ no período 2002-2003; o desembargador Roberto Felinto, diretor do Departamento de Aposentados da Associação, que presidiu no biênio 2008/2009; e o desembargador aposentado Fernando Marques de Campos Cabral, presidente no período 1998-1999.

Assista as entrevistas anteriores: