terça, 22 de agosto de 2017

AMAERJ | 02 de agosto de 2017 11:43

‘Vamos instalar no Rio uma academia jurídica como em Harvard’, diz Fux

Share '‘Vamos instalar no Rio uma academia jurídica como em Harvard’, diz Fux' on Delicious Share '‘Vamos instalar no Rio uma academia jurídica como em Harvard’, diz Fux' on Digg Share '‘Vamos instalar no Rio uma academia jurídica como em Harvard’, diz Fux' on Facebook Share '‘Vamos instalar no Rio uma academia jurídica como em Harvard’, diz Fux' on Google+ Share '‘Vamos instalar no Rio uma academia jurídica como em Harvard’, diz Fux' on Link-a-Gogo Share '‘Vamos instalar no Rio uma academia jurídica como em Harvard’, diz Fux' on LinkedIn Share '‘Vamos instalar no Rio uma academia jurídica como em Harvard’, diz Fux' on Pinterest Share '‘Vamos instalar no Rio uma academia jurídica como em Harvard’, diz Fux' on reddit Share '‘Vamos instalar no Rio uma academia jurídica como em Harvard’, diz Fux' on StumbleUpon Share '‘Vamos instalar no Rio uma academia jurídica como em Harvard’, diz Fux' on Twitter Share '‘Vamos instalar no Rio uma academia jurídica como em Harvard’, diz Fux' on Add to Bookmarks Share '‘Vamos instalar no Rio uma academia jurídica como em Harvard’, diz Fux' on Email Share '‘Vamos instalar no Rio uma academia jurídica como em Harvard’, diz Fux' on Print Friendly Whatsapp

Antigo Palácio da Justiça | Foto: TJ-RJ

O Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro autorizou, nesta terça-feira (1), a cessão de área do antigo Palácio da Justiça, na Rua Dom Manuel, para a Faculdade de Direito da UERJ (Universidade do Estado do Rio de Janeiro). “Vamos instalar no Rio uma academia jurídica como em Harvard, para qualificar juízes e servidores com doutorado, mestrado e pós-graduação”, disse o ministro Luiz Fux, do STF (Supremo Tribunal Federal).

Fux fez o anúncio para os estudantes do “Curso de Especilização em Direito Público e Privado” da EMERJ (Escola da Magistratura do Rio de Janeiro), em aula magna na segunda-feira (31).

Conforme informação divulgada pelo colunista Ancelmo Gois, nesta quarta-feira (2), o projeto começou a ganhar forma para resgatar a UERJ, onde os ministros Luiz Fux e Luís Roberto são professores e Joaquim Barbosa deu aula. Inicialmente, se mudará para o antigo Palácio da Justiça a pós-graduação e depois toda a Faculdade de Direito.

O resgate vem sendo costurado há meses por um grupo ex-professores e ex-alunos que se destacaram na vida profissional. O projeto é oferecer condições materiais melhores aos alunos da Faculdade de Direito sem mexer na grade curricular.

O prédio sedia a AMAERJ e outras instituições como a AMB (Associação dos Magistrados Brasileiros), a Mútua dos Magistrados, o IMB (Instituto dos Magistrados do Brasil), a ABATERJ (Associação Beneficente dos Amigos do Tribunal), o CCPJ (Centro Cultural do Poder Judiciário) e a ESAJ (Escola de Administração Judiciária).

O palácio foi inaugurado no então Distrito Federal, em 6 de novembro de 1926, com a finalidade de abrigar a chamada Corte de Apelação. Durante mais de oito décadas abrigou vários tribunais. Entre 2009 e 2010, foram realizadas obras de restauração. No prédio, estão preservados o I Tribunal do Júri, o Salão dos Passos Perdidos e o Salão dos Espelhos.

Ministro Luiz Fux

I Tribunal do Júri | Foto: TJ-RJ

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Seja o primeiro a comentar!