terça, 23 de outubro de 2018

AMAERJ | 07 de junho de 2018 17:16

TRE, AMAERJ e juízes tratam da organização das eleições em Niterói

Share 'TRE, AMAERJ e juízes tratam da organização das eleições em Niterói' on Delicious Share 'TRE, AMAERJ e juízes tratam da organização das eleições em Niterói' on Digg Share 'TRE, AMAERJ e juízes tratam da organização das eleições em Niterói' on Facebook Share 'TRE, AMAERJ e juízes tratam da organização das eleições em Niterói' on Google+ Share 'TRE, AMAERJ e juízes tratam da organização das eleições em Niterói' on Link-a-Gogo Share 'TRE, AMAERJ e juízes tratam da organização das eleições em Niterói' on LinkedIn Share 'TRE, AMAERJ e juízes tratam da organização das eleições em Niterói' on Pinterest Share 'TRE, AMAERJ e juízes tratam da organização das eleições em Niterói' on reddit Share 'TRE, AMAERJ e juízes tratam da organização das eleições em Niterói' on StumbleUpon Share 'TRE, AMAERJ e juízes tratam da organização das eleições em Niterói' on Twitter Share 'TRE, AMAERJ e juízes tratam da organização das eleições em Niterói' on Add to Bookmarks Share 'TRE, AMAERJ e juízes tratam da organização das eleições em Niterói' on Email Share 'TRE, AMAERJ e juízes tratam da organização das eleições em Niterói' on Print Friendly Whatsapp

Encontro reuniu cerca de 40 juízes eleitorais e chefes de cartório do Leste Fluminense

Cerca de 40 juízes e chefes de cartório das zonas eleitorais de Niterói e cidades vizinhas se reuniram, nesta quinta-feira (7), com o presidente do TRE-RJ (Tribunal Regional Eleitoral), Carlos Eduardo da Fonseca Passos, O encontro aconteceu no Centro da Memória Judiciária de Niterói (antigo Fórum). O 2º vice-presidente da AMAERJ, Ricardo Alberto Pereira, participou do encontro, que discutiu a segurança e a fiscalização das eleições deste ano.

O presidente do TRE-RJ ouviu as demandas locais para aprimorar a Justiça Eleitoral da região (São Gonçalo, Itaboraí, Rio Bonito, Maricá, Silva Jardim e Niterói). Ele afirmou que o tribunal está de portas abertas para todos os magistrados.

Leia também: STF suspende voto impresso nas próximas eleições
TSE assina acordo com 10 partidos para combater fake news
TJ conclui o cadastro dos 56 mil detentos no Estado do Rio

Fonseca Passos anunciou que serão promovidas em breve reuniões setorizadas entre juízes e os comandantes das forças de segurança do Rio para tratar exclusivamente das áreas conflagradas. O presidente ainda recomendou que os magistrados tenham contato direto com os comandantes dos batalhões de sua região, não só pessoalmente ou por ofício, mas por e-mail e telefone para agilizar a solução de problemas.

Mauro Nicolau: ‘Não tenho dúvidas de que faremos uma ótima eleição’

O coordenador da fiscalização da propaganda eleitoral no Estado, juiz Mauro Nicolau, afirmou que o diálogo permanente com os comandantes é fundamental para atualizar as informações de segurança. Ele destacou o trabalho dos magistrados e servidores para o sucesso do pleito eleitoral.

“É preciso uma atuação ativa e efetiva dos juízes e chefes de cartório. Ninguém melhor do que vocês conhece as regiões onde trabalham. Mobilizando esforços, conseguimos atingir os nossos objetivos. Não tenho dúvidas de que faremos uma ótima eleição”, disse.

O 2º vice-presidente da AMAERJ reafirmou o apoio e a confiança da associação nos juízes e destacou o diálogo implantado pela presidência do TRE. “A AMAERJ agradece o espaço democrático aberto pelo presidente e pelo corregedor (Carlos Santos de Oliveira), que são magistrados de carreira, foram juízes eleitorais e, portanto, têm grande sensibilidade.”

Ricardo Alberto Pereira ressaltou que esta será uma eleição diferenciada, onde as instituições serão colocadas à prova. “É fundamental demonstrar a nossa eficiência, mais do que técnica, mas o nosso comprometimento. Não tenho dúvidas de que a eleição vai dar certo, mas o nosso comprometimento tem que ser a marca dessa eleição”, afirmou.

‘É fundamental demonstrar a nossa eficiência’, disse Ricardo Alberto Pereira

Também participaram da reunião os juízes-auxiliares do TRE Rudi Lowenkron e Daniel Vargas, representantes de batalhões da Polícia Militar de Niterói, e os magistrados Larissa Pascoal (36ª ZE), Natascha Dazzi (69ª ZE), André Nicolitt (132ª ZE), Euclides Miranda (133ª ZE), Thereza Xavier (135ª ZE), Rosana Navega (71ª ZE), Rhohemara Marques (72ª ZE), Maria Aparecida Bastos (199ª ZE), Daniel Fonseca (104ª ZE), Rafael Monaco (151ª ZE), Ricardo Machado (55ª ZE) e Daniella Correia da Silva (63ª ZE).

O TRE tem promovido reuniões periódicas com juízes e servidores, com a participação da AMAERJ, para entender as  demandas regionais e buscar soluções para possíveis problemas. O encontro em Niterói foi o oitavo. Anteriormente, já foram promovidas reuniões em Nova Friburgo, Itaguaí, Campos de Goytacazes, Volta Redonda, Petrópolis, São Pedro da Aldeia e Duque de Caxias.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Seja o primeiro a comentar!