quinta, 29 de novembro de 2018

AMAERJ | 22 de novembro de 2018 16:16

Sala dos Magistrados é inaugurada no Tribunal de Justiça do Rio

Share 'Sala dos Magistrados é inaugurada no Tribunal de Justiça do Rio' on Delicious Share 'Sala dos Magistrados é inaugurada no Tribunal de Justiça do Rio' on Digg Share 'Sala dos Magistrados é inaugurada no Tribunal de Justiça do Rio' on Facebook Share 'Sala dos Magistrados é inaugurada no Tribunal de Justiça do Rio' on Google+ Share 'Sala dos Magistrados é inaugurada no Tribunal de Justiça do Rio' on Link-a-Gogo Share 'Sala dos Magistrados é inaugurada no Tribunal de Justiça do Rio' on LinkedIn Share 'Sala dos Magistrados é inaugurada no Tribunal de Justiça do Rio' on Pinterest Share 'Sala dos Magistrados é inaugurada no Tribunal de Justiça do Rio' on reddit Share 'Sala dos Magistrados é inaugurada no Tribunal de Justiça do Rio' on StumbleUpon Share 'Sala dos Magistrados é inaugurada no Tribunal de Justiça do Rio' on Twitter Share 'Sala dos Magistrados é inaugurada no Tribunal de Justiça do Rio' on Add to Bookmarks Share 'Sala dos Magistrados é inaugurada no Tribunal de Justiça do Rio' on Email Share 'Sala dos Magistrados é inaugurada no Tribunal de Justiça do Rio' on Print FriendlyWhatsapp

Um espaço exclusivo para os magistrados poderem exercer suas atividades jurisdicionais: esse é o objetivo da “Sala dos Magistrados TJ-RJ/AMAERJ”, inaugurada nesta quarta-feira (21) no TJ-RJ. O presidente do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro, desembargador Milton Fernandes de Souza, e a presidente da AMAERJ, Renata Gil, fizeram a cerimônia de abertura. O espaço fica no 5º andar da Lâmina 3, no Fórum Central.

Renata Gil destacou a importância da sala para os magistrados. “Pensamos nesse espaço após pedidos de juízes. Os magistrados do interior ou de regionais vêm participar de cursos ou eventos e precisam dar alguma decisão farão bom uso desse espaço”, disse Renata Gil.

Ela também agradeceu ao presidente do TJ-RJ a cessão do espaço, que fica no antigo Bar dos Magistrados, e completou: “Além de ser amigo da magistratura, o senhor tem feito um ótimo trabalho. Pelo nono ano consecutivo, os magistrados do Rio foram eleitos os mais produtivos, e isso se deve às condições que a presidência e os órgãos executivos nos conferem”.

O desembargador Milton Fernandes de Souza afirmou que a magistratura “tem que ter boas condições de trabalho, seja na capital ou no interior. A sala é importante para o magistrado vir trabalhar. Nós temos que trabalhar para a magistratura, para o Poder Judiciário e a nossa sociedade”.

Representantes da diretoria da AMAERJ prestigiaram o evento: Marcia Succi e Sergio Ribeiro, diretores de Direitos Humanos Proteção Integral; e Márcia Hollanda, diretora de Acompanhamento de Procedimentos no CNJ (Conselho Nacional de Justiça). O juiz Paulo Ribeiro, da Comarca de Vargem Grande do TJ-MA (Tribunal de Justiça do Maranhão), participou da cerimônia.

Por viajar ao Rio para diversas reuniões, ele celebrou a importância da Sala dos Magistrados. “Esse espaço diminui o tempo de trânsito dos magistrados dentro do Tribunal e, com isso, dá mais velocidade nas decisões. Além de garantir um espaço para o juiz trabalhar fora da sua unidade, o Tribunal do Rio também dá ao jurisdicionado rapidez nas respostas”, comentou.

A equipe que conduziu o projeto também esteve presente. Helga Pitthan, assessora e substituta do diretor-geral de Logística do Tribunal do Rio (DGLOG), contou a rapidez na execução do projeto. “Ele foi feito há menos de um mês, e a obra foi executada em cinco dias”, explicou ela.

Estiveram na inauguração Kathia Glazy, diretora da DIFOR (Divisão de Administração do Foro Central); Renata Oliveira, diretora do DEENG (Departamento de Engenharia); Denise Werneck, diretora da DIPLO (Divisão de Planejamento de Obras); e Glaucia de Mattos, diretora da DIMAN (Divisão de Manutenção).

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Seja o primeiro a comentar!