segunda, 23 de abril de 2018

AMAERJ | 12 de Janeiro de 2018 11:56

Novo curso de mestrado da EMERJ terá foco em Direitos Humanos, Justiça e Saúde

Share 'Novo curso de mestrado da EMERJ terá foco em Direitos Humanos, Justiça e Saúde' on Delicious Share 'Novo curso de mestrado da EMERJ terá foco em Direitos Humanos, Justiça e Saúde' on Digg Share 'Novo curso de mestrado da EMERJ terá foco em Direitos Humanos, Justiça e Saúde' on Facebook Share 'Novo curso de mestrado da EMERJ terá foco em Direitos Humanos, Justiça e Saúde' on Google+ Share 'Novo curso de mestrado da EMERJ terá foco em Direitos Humanos, Justiça e Saúde' on Link-a-Gogo Share 'Novo curso de mestrado da EMERJ terá foco em Direitos Humanos, Justiça e Saúde' on LinkedIn Share 'Novo curso de mestrado da EMERJ terá foco em Direitos Humanos, Justiça e Saúde' on Pinterest Share 'Novo curso de mestrado da EMERJ terá foco em Direitos Humanos, Justiça e Saúde' on reddit Share 'Novo curso de mestrado da EMERJ terá foco em Direitos Humanos, Justiça e Saúde' on StumbleUpon Share 'Novo curso de mestrado da EMERJ terá foco em Direitos Humanos, Justiça e Saúde' on Twitter Share 'Novo curso de mestrado da EMERJ terá foco em Direitos Humanos, Justiça e Saúde' on Add to Bookmarks Share 'Novo curso de mestrado da EMERJ terá foco em Direitos Humanos, Justiça e Saúde' on Email Share 'Novo curso de mestrado da EMERJ terá foco em Direitos Humanos, Justiça e Saúde' on Print Friendly Whatsapp

A EMERJ (Escola da Magistratura) vai inaugurar, em parceria com a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), uma nova turma de mestrado destinado a juízes e desembargadores do TJ-RJ. O “Mestrado Profissional em Direitos Humanos, Justiça e Saúde” começará em maio, com duração de dois anos. O edital para ingresso no mestrado será publicado pela Fiocruz e divulgado pela EMERJ na próxima semana. Serão oferecidas 20 vagas.

O processo seletivo contará com prova escrita de conhecimentos específicos e de língua estrangeira e entrevista, a partir da análise do Curriculum Lattes e da carta de intenção apresentada pelos candidatos. O Mestrado Profissional é coordenado pela juíza Maria Aglaé Tedesco Vilardo e pela pesquisadora e professora da Fiocruz Maria Helena Barros de Oliveira.

Leia também: Crise gerou aumento de prisões por falta de pagamento de pensão no Rio, diz Maria Aglaé
TRE-RJ e juízes de Campos tratam da organização das eleições
Aumenta quantidade de processos de feminicídio no TJ-RJ

O curso tem o objetivo de agregar conhecimento atualizado e produtividade no campo de atuação do Poder Judiciário, além de oferecer aos magistrados a possibilidade de interagir com professores de renomadas instituições e participar ativamente de debates sobre questões da área de saúde, em visão pluridisciplinar.

O curso pertencente ao Programa de Mestrado Profissional em Saúde Pública da Escola Nacional de Saúde Pública Sérgio Arouca-Ensp/Fiocruz.

Para mais informações, entre em contato com o Departamento de Aperfeiçoamento de Magistrados (DEAMA) pelo telefone 3133-3872 ou 3133-1808.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Seja o primeiro a comentar!