terça, 12 de dezembro de 2017

AMAERJ | 15 de setembro de 2017 16:19

Ministra dos Direitos Humanos estuda parceria com o projeto ‘O Ideal é Real’

Share 'Ministra dos Direitos Humanos estuda parceria com o projeto ‘O Ideal é Real’' on Delicious Share 'Ministra dos Direitos Humanos estuda parceria com o projeto ‘O Ideal é Real’' on Digg Share 'Ministra dos Direitos Humanos estuda parceria com o projeto ‘O Ideal é Real’' on Facebook Share 'Ministra dos Direitos Humanos estuda parceria com o projeto ‘O Ideal é Real’' on Google+ Share 'Ministra dos Direitos Humanos estuda parceria com o projeto ‘O Ideal é Real’' on Link-a-Gogo Share 'Ministra dos Direitos Humanos estuda parceria com o projeto ‘O Ideal é Real’' on LinkedIn Share 'Ministra dos Direitos Humanos estuda parceria com o projeto ‘O Ideal é Real’' on Pinterest Share 'Ministra dos Direitos Humanos estuda parceria com o projeto ‘O Ideal é Real’' on reddit Share 'Ministra dos Direitos Humanos estuda parceria com o projeto ‘O Ideal é Real’' on StumbleUpon Share 'Ministra dos Direitos Humanos estuda parceria com o projeto ‘O Ideal é Real’' on Twitter Share 'Ministra dos Direitos Humanos estuda parceria com o projeto ‘O Ideal é Real’' on Add to Bookmarks Share 'Ministra dos Direitos Humanos estuda parceria com o projeto ‘O Ideal é Real’' on Email Share 'Ministra dos Direitos Humanos estuda parceria com o projeto ‘O Ideal é Real’' on Print Friendly Whatsapp


Lançado em janeiro pela AMAERJ, com o apoio do TJ-RJ, da Comissão de Assuntos da Criança, do Adolescente e do Idoso da Alerj (Assembleia Legislativa) e da AMB, o projeto “O Ideal é Real” foi apresentado nesta quarta-feira (13), na sede da Associação dos Magistrados Brasileiros, em Brasília (DF), para a ministra dos Direitos Humanos, Luislinda Dias de Valois Santos. Durante o encontro, a ministra revelou a intenção de realizar uma parceria com o projeto.

Entre os participantes da reunião, estavam os juízes Sérgio Ribeiro (Direitos Humanos e Proteção Integral da AMAERJ) e Raquel Chrispino (Coordenadoria Judiciária de Articulação das Varas da Infância do TJ-RJ), o presidente da AMB, Jayme de Oliveira, e a secretária de Direitos da Criança e do Adolescente, Fabiana Gadelha.

A pauta constou do lançamento do projeto para estimular as chamadas adoções necessárias, o trabalho para rechaçar a redução da maioridade penal e um projeto-piloto para erradicação de fraudes no registro de nascimento.

O projeto “O Ideal é Real” visa mudar o perfil das adoções realizadas no país. Ele tem como objetivo estimular as adoções de crianças que não fazem parte do grupo preferencial: bebês brancos, saudáveis e sem irmãos. Segundo o Conselho Nacional de Justiça (CNJ), o número de pessoas para adotar é de 35 mil. O objetivo do projeto é estimular as adoções de crianças que não fazem parte do grupo preferencial.

*Com informações do TJ-RJ

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Seja o primeiro a comentar!