quarta, 12 de dezembro de 2018

AMAERJ | 03 de outubro de 2018 13:03

Juízas falam sobre Direito de Família e violência doméstica em palestra na Marinha

Share 'Juízas falam sobre Direito de Família e violência doméstica em palestra na Marinha' on Delicious Share 'Juízas falam sobre Direito de Família e violência doméstica em palestra na Marinha' on Digg Share 'Juízas falam sobre Direito de Família e violência doméstica em palestra na Marinha' on Facebook Share 'Juízas falam sobre Direito de Família e violência doméstica em palestra na Marinha' on Google+ Share 'Juízas falam sobre Direito de Família e violência doméstica em palestra na Marinha' on Link-a-Gogo Share 'Juízas falam sobre Direito de Família e violência doméstica em palestra na Marinha' on LinkedIn Share 'Juízas falam sobre Direito de Família e violência doméstica em palestra na Marinha' on Pinterest Share 'Juízas falam sobre Direito de Família e violência doméstica em palestra na Marinha' on reddit Share 'Juízas falam sobre Direito de Família e violência doméstica em palestra na Marinha' on StumbleUpon Share 'Juízas falam sobre Direito de Família e violência doméstica em palestra na Marinha' on Twitter Share 'Juízas falam sobre Direito de Família e violência doméstica em palestra na Marinha' on Add to Bookmarks Share 'Juízas falam sobre Direito de Família e violência doméstica em palestra na Marinha' on Email Share 'Juízas falam sobre Direito de Família e violência doméstica em palestra na Marinha' on Print FriendlyWhatsapp

Magistradas em palestra na Marinha | Foto: Reprodução/TJ-RJ

As juízas Yedda Filizzola (diretora de Segurança do Magistrado da AMAERJ), Telmira Mondego (titular do 17º Juizado Especial Criminal) e Mirian Tereza Lima (titular da 1ª Vara de Família do Fórum de Bangu) foram palestrantes do 3º Seminário de Direito de Família da Esquadra, no sábado (29). Elas falaram sobre Direito de Família e violência doméstica para oficiais e praças da Marinha, no Centro de Instrução e Adestramento Almirante Áttila Monteiro Aché, na Ilha de Mocanguê.

Leia também: Juíza Soraya Bastos é homenageada na Câmara Municipal de Vassouras
AMAERJ repudia ataque a juiz de Mato Grosso
Esclarecimento: Voto não será anulado se eleitor escolher apenas o presidente

Além de explicações sobre medidas protetivas e as causas da violência no âmbito familiar, também foram abordados temas como os direitos dos pais (em especial quando vivem em outros Estados, longe dos filhos) e como a Justiça lida com casos de agressões de mulheres contra homens, por meio dos Juizados Especiais.

Segundo Yedda Filizzola (4º Juizado da Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher), a intenção do encontro foi “sensibilizar os membros da Marinha sobre a violência doméstica e as relações familiares, para mudar a mentalidade dos homens. É preciso lembrar que eles também são protegidos pela lei e não estão desamparados pela Justiça”.

Fonte: TJ-RJ

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Seja o primeiro a comentar!