quarta, 26 de junho de 2019

AMAERJ | 08 de abril de 2019 17:22

Desembargadora Maria da Glória Bandeira de Mello toma posse no TJ

Share 'Desembargadora Maria da Glória Bandeira de Mello toma posse no TJ' on Delicious Share 'Desembargadora Maria da Glória Bandeira de Mello toma posse no TJ' on Digg Share 'Desembargadora Maria da Glória Bandeira de Mello toma posse no TJ' on Facebook Share 'Desembargadora Maria da Glória Bandeira de Mello toma posse no TJ' on Google+ Share 'Desembargadora Maria da Glória Bandeira de Mello toma posse no TJ' on Link-a-Gogo Share 'Desembargadora Maria da Glória Bandeira de Mello toma posse no TJ' on LinkedIn Share 'Desembargadora Maria da Glória Bandeira de Mello toma posse no TJ' on Pinterest Share 'Desembargadora Maria da Glória Bandeira de Mello toma posse no TJ' on reddit Share 'Desembargadora Maria da Glória Bandeira de Mello toma posse no TJ' on StumbleUpon Share 'Desembargadora Maria da Glória Bandeira de Mello toma posse no TJ' on Twitter Share 'Desembargadora Maria da Glória Bandeira de Mello toma posse no TJ' on Add to Bookmarks Share 'Desembargadora Maria da Glória Bandeira de Mello toma posse no TJ' on Email Share 'Desembargadora Maria da Glória Bandeira de Mello toma posse no TJ' on Print Friendly Whatsapp
Claudio de Mello Tavares, Maria da Glória, Ricardo Couto e Jacqueline Montenegro

O Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro tem uma nova desembargadora. A magistrada Maria da Glória Oliveira Bandeira de Mello tomou posse, nesta segunda-feira (8), no Órgão Especial. Promovida pelo critério de merecimento, ela assume a vaga decorrente da aposentadoria do desembargador Luiz Fernando Ribeiro de Carvalho (ex-presidente do TJ-RJ).

Juíza desde 1995, Maria da Glória vinha atuando como JDS (Juíza Desembargadora Substituta de Segundo Grau) na 20ª Câmara Cível do TJ-RJ. Antes, trabalhou na 8ª Vara Cível por 14 anos.

Leia também: Maria da Glória Bandeira de Mello é promovida a desembargadora
AMAERJ transmite ao vivo o encontro sobre a Reforma da Previdência, na sexta-feira
Encontro discute caso de 4 mil juízes e promotores presos na Europa

Maria da Glória chegou ao plenário conduzida pelos desembargadores Ricardo Couto e Jacqueline Montenegro. Em discurso, ela falou sobre sua história no TJ-RJ.

“Nesse especial dia em que assumo o honroso e almejado cargo de desembargador dessa nossa prezada Casa, o Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro, olho para trás e constato com satisfação que, apesar de parecer tão longo o tempo decorrido até chegar ao posto final da carreira, ele correu na medida certa para traçar minha trajetória até aqui”, afirmou a nova desembargadora.

“É o momento que deixo o primeiro grau, onde exerci a função por 24 anos, vivendo em sua plenitude o dia a dia de um juiz. Com muito orgulho de ter sido magistrada de piso, como às vezes somos chamados, quero homenagear meus colegas que integram esse verdadeiro pilar do Judiciário, que deve ser sempre reconhecido e valorizado como tal.”

O presidente do TJ-RJ, Claudio de Mello Tavares, deu as boas-vindas. “O Tribunal de Justiça está hoje em festa, recebe mais um membro em definitivo. A empossada há muito contribui destacadamente com a magistratura fluminense. Juíza togada, serviu a população por anos, com notório afinco. Que Deus abençoe a sua nova etapa, que consagra uma árdua caminhada e traz consigo cativantes desafios”, disse.

Jacqueline Montenegro, Maria da Glória Bandeira de Mello e Ricardo Couto

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Gerson Arraes 2019-04-10 02:06:02

Parabenizo a Magistrada Maria da Glória Bandeira de Melo, pela promoção ao Cargo de Desembargadora do TJRJ, salientando, que acompanhei sua trajetória do primeiro grau, onde sempre despontou como uma juiza educada, ponderada, estudiosa, pontual e extremamente justa, operando o direito sem qualquer inclinação ou propósito, que não fosse fazer Justiça. Deus a abençoe.

O comentário não representa a opinião da AMAERJ; a responsabilidade é do autor da mensagem.