quinta, 19 de setembro de 2019

AMAERJ | 05 de setembro de 2019 17:56

Conheça as três chapas inscritas na eleição da AMB em novembro

Share 'Conheça as três chapas inscritas na eleição da AMB em novembro' on Delicious Share 'Conheça as três chapas inscritas na eleição da AMB em novembro' on Digg Share 'Conheça as três chapas inscritas na eleição da AMB em novembro' on Facebook Share 'Conheça as três chapas inscritas na eleição da AMB em novembro' on Google+ Share 'Conheça as três chapas inscritas na eleição da AMB em novembro' on Link-a-Gogo Share 'Conheça as três chapas inscritas na eleição da AMB em novembro' on LinkedIn Share 'Conheça as três chapas inscritas na eleição da AMB em novembro' on Pinterest Share 'Conheça as três chapas inscritas na eleição da AMB em novembro' on reddit Share 'Conheça as três chapas inscritas na eleição da AMB em novembro' on StumbleUpon Share 'Conheça as três chapas inscritas na eleição da AMB em novembro' on Twitter Share 'Conheça as três chapas inscritas na eleição da AMB em novembro' on Add to Bookmarks Share 'Conheça as três chapas inscritas na eleição da AMB em novembro' on Email Share 'Conheça as três chapas inscritas na eleição da AMB em novembro' on Print Friendly Whatsapp

Três chapas se registraram, nesta quarta-feira (4), para concorrer às eleições para os Conselhos Executivo e Fiscal da AMB (Associação dos Magistrados Brasileiros). O processo eleitoral será realizado pela internet nos dias 5 e 6 de novembro e por carta ou pessoalmente nos dias 7 e 8 de novembro.

O presidente da Comissão Eleitoral Geral da AMB, desembargador Roberval Belinati, recebeu os representantes de cada chapa e explicou que aquele momento não era o de homologação.

“Lembro que este momento, agora, não é para a homologação do registro da chapa. Vamos ter a próxima reunião da Comissão Eleitoral no dia 16 de setembro, às 10h30, aqui na sede da AMB, com essa finalidade. O colegiado vai conferir novamente os documentos e declarar oficialmente que está tudo correto. Este momento é para o recebimento”, explicou.

Abaixo, saiba mais sobre as chapas registradas. Para mais informações, acesse o hotsite das Eleições da 2019 da AMB.

Leia também: Renata Gil registra chapa para concorrer à presidência da AMB
Renata Gil se licencia de cargo na AMB para concorrer à presidência
Associações discutem no Senado o restabelecimento do ATS

AMB+Forte Uma só Magistratura

Integrantes da chapa “AMB + Forte, Uma só Magistratura” | Foto: AMB

AMB+Forte – Uma só Magistratura foi a primeira a fazer o registro. A chapa é liderada pela presidente da AMAERJ, Renata Gil, que destacou algumas bandeiras do grupo em entrevista à AMB.

“Pretendemos trabalhar na independência do Poder Judiciário e no fortalecimento da Magistratura, por meio das ações já trabalhadas ao longo da gestão do presidente Jayme de Oliveira, como as eleições diretas para os cargos diretivos dos tribunais, a equalização da força de trabalho entre a primeira e a segunda instâncias, os projetos de lei que estão no Parlamento que atingem gravemente as prerrogativas da Magistratura”, afirmou ela.

 A magistrada destacou que 12 colegas de cahpa são presidentes de associações regionais. “É importante ressaltar que na composição da chapa temos presidentes de associações estaduais, o que demonstra que é um movimento muito forte pelo fortalecimento dos vínculos associativos e do próprio Poder Judiciário como um todo”, ressaltou.

Unidade (da carreira) e (é) independência (da Magistratura)

Registro da chapa “Unidade (da carreira) e (é) independência (da Magistratura)” | Foto: AMB

A segunda chapa a se registrar foi a Unidade (da carreira) e (é) independência (da Magistratura). O grupo é liderado pelo presidente da Associação dos Magistrados Trabalhistas da 12ª Região (Amatra 12), José Carlos Kulzer. Entre as principais propostas está a igualdade no recebimento de benefícios previstos na carreira.

“É necessário que todos estejam recebendo os mesmos proventos e benefícios. Isso que vai dar força para a Magistratura, porque as diferenças estão impedindo a AMB de avançar, porque há muitos desníveis de benefícios entre os próprios Estados e a União. Então, defendemos que a Magistratura precisa ter uma carreira única, com o mesmo subsídio, e que seja valorizada com a implantação do ATS [Adicional por Tempo de Serviço (ATS/VTM)]”, disse.

Magistratura Independente

Reberval Belinati e Eduardo Cubas, procurador da chapa “Magistratura Independente” | Foto: AMB

Magistratura Independente foi a terceira e última chapa inscrita. Encabeçada pelo juiz do TJ-PE (Tribunal de Justiça de Pernambuco) Luiz Gomes da Rocha Neto, a chapa foi registrada pelo juiz Eduardo Cubas, que compareceu na condição de procurador do candidato.

*Com informações da AMB

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Seja o primeiro a comentar!