segunda, 22 de abril de 2019

AMAERJ | 06 de fevereiro de 2019 12:05

Livros de juíza do TJ-RJ estão na Biblioteca do Congresso dos EUA

Share 'Livros de juíza do TJ-RJ estão na Biblioteca do Congresso dos EUA' on Delicious Share 'Livros de juíza do TJ-RJ estão na Biblioteca do Congresso dos EUA' on Digg Share 'Livros de juíza do TJ-RJ estão na Biblioteca do Congresso dos EUA' on Facebook Share 'Livros de juíza do TJ-RJ estão na Biblioteca do Congresso dos EUA' on Google+ Share 'Livros de juíza do TJ-RJ estão na Biblioteca do Congresso dos EUA' on Link-a-Gogo Share 'Livros de juíza do TJ-RJ estão na Biblioteca do Congresso dos EUA' on LinkedIn Share 'Livros de juíza do TJ-RJ estão na Biblioteca do Congresso dos EUA' on Pinterest Share 'Livros de juíza do TJ-RJ estão na Biblioteca do Congresso dos EUA' on reddit Share 'Livros de juíza do TJ-RJ estão na Biblioteca do Congresso dos EUA' on StumbleUpon Share 'Livros de juíza do TJ-RJ estão na Biblioteca do Congresso dos EUA' on Twitter Share 'Livros de juíza do TJ-RJ estão na Biblioteca do Congresso dos EUA' on Add to Bookmarks Share 'Livros de juíza do TJ-RJ estão na Biblioteca do Congresso dos EUA' on Email Share 'Livros de juíza do TJ-RJ estão na Biblioteca do Congresso dos EUA' on Print Friendly Whatsapp
Biblioteca do Congresso Americano | Foto: Reprodução/ Facebook

A juíza aposentada Lia Pantoja Milhomens tem dois livros de sua autoria no catálogo da Biblioteca do Congresso Americano – a maior do mundo, com ao menos 168 milhões de itens. “Delinquência juvenil: infraestrutura da criminalidade adulta” foi publicado em 2011. “Legislação básica–Ministério do Interior”, em 1969.

Leia também: Renata Gil trata de valorização dos aposentados em reunião da AMB
Em artigo, juiz discute a segurança pública no Estado do Rio
Dez associados poderão participar de encontro no Peace Boat

As duas obras estão entre os mais de 10 milhões de itens da coleção que reúne livros, manuscritos e materiais diversos provenientes da Península Ibérica, do Caribe e da América Latina.

Juíza aposentada Lia Pantoja | Foto: Reprodução/ Facebook

No livro sobre delinquência juvenil, Lia Pantoja sintetiza sua experiência como promotora de Justiça e magistrada. A autora compara as legislações nacional e internacional voltadas a crianças e adolescentes, além de analisar fatores que impulsionam a agressividade e a violência nessas fases. Clique aqui para acessar os livros da juíza. 

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Seja o primeiro a comentar!